Bem vindos ao Desapego Games

Desapego Games - The Elder Scrolls IV Oblivion PC - PC


The Elder Scrolls IV Oblivion PC

Categoria(s): PC

Estado do produto:

novo

Descrição:

Jogabilidade Oblivion continua a tradição da série The Elder Scrolls possibilitando ao jogador explorar qualquer lugar do mundo a qualquer momento, incluindo a possibilidade de ignorar o objetivo principal por um período de tempo ou indefinidamente. O jogador pode fazer missões secundárias, interagir com NPCs, desenvolver seu personagem, e viajar a qualquer lugar de Cyrodiil, a província fictícia onde se passa o jogo. O jogo não termina, e o jogador pode escolher continuar explorando o mundo e fazendo outras tarefas mesmo após o término da missão principal. A jogabilidade possui um sistema de "viagem rápida", que possibilita ao jogador viajar a qualquer lugar do jogo que já foi explorado (excluindo as cidades principais, que são disponíveis para viagem desde o começo do jogo). O desenvolvimento do personagem é uma das mecânicas principais de Oblivion. No começo do jogo, o jogador escolhe qual será a raça do personagem principal, cada uma dessas raças com suas características e habilidades únicas, e também escolhe como será sua aparência, com várias opções de customização. Além da criação e customização do personagem, o jogador escolhe, assim como em outros RPGs, qual será a classe do seu personagem, podendo criar também uma classe personalizada, selecionando quais serão suas habilidades principais. Sete habilidades são escolhidas no começo do jogo de acordo com a classe do personagem, sendo as restantes habilidades podendo também serem treinadas no decorrer do jogo, mas estas são habilidades com menos importância para o jogador. Sempre que o jogador melhora uma de suas habilidades principais dez vezes, ele passa de nível, e daí ele escolhe para quais atributos seus pontos irão. Atributos são qualidades mais planas (como por exemplo "velocidade" ou "sorte"), por outro lado habilidades são coisas mais específicas (como "alquimia" ou "furtividade"). Oblivion pode ser jogado tanto em primeira ou terceira pessoa. O jogador pode alterar a dificuldade do jogo a qualquer momento, alterando o quanto de dano que o jogador faz e o quanto de dano que os inimigos fazem, porém, não há mudanças na qualidade dos itens que podem ser encontrados. A HUD do jogo contém as informações básicas do personagem, incluindo saúde, magicka, vigor, e qual equipamento ou magia está equipada. O jogador pode se deparar com criaturas conhecidas em mundos dos jogos de RPG, como esqueletos e goblins, e diversos animais como lobos e veados. Inimigos ficam mais fortes e armas e armaduras ficam mais eficazes a medida que o jogador vai progredindo de nível. Essa mecânica de progressão de nível é importante para manter a dificuldade mais consistente. Porém, esse sistema acabou recebendo críticas, já que isso poderia desequilibrar o jogo, tornando inimigos mais fortes do que deveriam ser. Além da grande missão principal, o jogador pode também associar-se a guildas, clubes, cultos, ou clãs no jogo. Há várias guildas, sendo as principais a da Dark Brotherhood, Guilda dos Guerreiros, Guilda dos Magos, e a Guilda dos Ladrões. História Depois do misterioso assassinato do Imperador, Uriel Septim VII, o trono de Tamriel permanece vazio. Com o Império à beira do desmoronamento, os portais de Oblivion são abertos e os Daedras marcham sobre Tamriel, deixando um rastro de destruição por onde passam. Para lutar contra esse mal, o jogador deve encontrar o herdeiro perdido do trono e esclarecer a sinistra conspiração que ameaça destruir toda Tamriel e assim, terminar com a Crise de Oblivion. A trama começa com o personagem principal preso sob circunstâncias desconhecidas na Cidade Imperial, capital de Cyrodiil e do Império. A cela em que o jogador está é entrada para uma rota secreta de fuga, usada em casos de emergência. O Imperador Uriel Septim VII chega à prisão escoltado por vários guarda-costas. É revelado que assassinos (mais tarde é revelado que tais assassinos são, na verdade, membros de um culto conhecido como Mythic Dawn) eliminaram os três filhos de Uriel e agora o estão perseguindo. Durante a conversa, Septim afirma que viu você em seus sonhos e visões. Os guarda-costas do Imperador (parte dos chamados Blades, uma tropa de protetores e investigadores espalhados por todo o Império) levam o jogador à rota de fuga. Em certo ponto o protagonista é forçado a deixar o grupo e segue sozinho por catacumbas. É nesse local que o Tutorial ocorre, explicando os princípios básicos do jogo. No final das catacumbas, o protagonista se encontra novamente com os guardas e Septim, quando são cercados por assassinos, e é seu objetivo proteger o Imperador. Uma batalha acontece, forçando o grupo a um caminho sem saída. Ali, o jogador é deixado com o Imperador, enquanto os Blades lutam com o inimigo. Uriel então confia ao protagonista o Amulet of Kings (Amuleto dos Reis), um amuleto especial que só pode ser usado por aqueles da linhagem dos Septim, e ordena que ele leve este amuleto para um homem chamado Jauffre. Inesperadamente, um assassino cerca Uriel e o mata. Quando o assassino é morto, só há um guarda que sobreviveu, Baurus, que rapidamente vai conversar com o protagonista. Ele explica que Jauffre é o Mestre dos Blades, e pode ser encontrado em um local chamado Weynon Priory, perto da cidade de Chorrol. Logo depois, o protagonista sai dos esgotos e começa sua jornada por Tamriel; é de escolha do jogador se ele irá seguir estas ordens ou o seu próprio caminho. Se o jogador escolhe seguir a quest principal, e se aventura para Weynon Priory, é revelado que a morte do Imperador possibilitou a abertura de muitos portais para Oblivion, e uma invasão de Daedras é o resultado. A única maneira de fechar esses portais é encontrar algum descendente da linhagem dos Septim para retomar o trono e acender novamente os Dragonfires na Imperial City. Felizmente, é também revelado que há, de fato, um herdeiro para o trono: um filho não-legítimo de Septim, chamado Martin, que está residindo na cidade de Kvatch. O protagonista deve, então, se aventurar até Kvatch e trazer Martin para Weynon Priory. Porém, os Daedras sitiaram a cidade, e o jogador precisa entrar no portal aberto neste local e fechá-lo. Após fechar o portal, o jogador é aclamado "O Herói de Kvatch", e se torna, de uma certa maneira, famoso através de Cyrodil. Depois de matar todos os inimigos no pátio da cidade, o protagonista entra na capela e convence Martin a segui-lo até Weynon Priory. Ao chegar, o jogador logo fica sabendo que Weynon Priory está sendo sitiada pelos Mythic Dawn e que o Amulet of Kings foi roubado. Após o ataque, Jauffre diz ao protagonista para escoltar Martin até Cloud Ruler Temple, a fortaleza dos Blades localizada nas Montanhas Jerall. Ao chegar, Martin é reconhecido como Imperador e o comando dos Blades é passado a ele. Depois de algum planejamento, Jauffre diz ao jogador para se encontrar com Baurus na Imperial City, o único sobrevivente do começo do jogo. Eles devem encontrar o Shrine of Dagon (Santuário de Dagon), o local de um culto Daedrico, onde se acredita que esteja o Amulet of Kings. Após alguma investigação, o protagonista chega até o Santuário, infiltrando-o ou atacando-o, dependendo do que o jogador decidir fazer. De qualquer modo, é muito tarde para recuperar o Amuleto, porque Mankar Camoran, o líder dos Mythic Dawn, escapa para o seu "Paraíso" através de um portal criado usando um livro misterioso chamado Mysterious Xarxes. O protagonista retoma este livro e leva-o para Martin, que deduz que a única maneira de recuperar o Amuleto é seguindo Camoran, criando um portal também. Enquanto Martin começa a decifrar o livro, o protagonista deve procurar e matar dois espiões na cidade de Bruma, e investigar mais. O jogador descobre evidências de que o culto sabe onde Martin está. Neste ponto, o jogador precisa recuperar três peças-chaves que são necessárias para recriar o portal. Estas são: um artefato Daedrico qualquer, uma Great Welkynd Stone e a Armadura de Tiber Septim, o primeiro Imperador da Terceira Era. Além disso, o jogador também tem a opção de conseguir reforços das várias cidades de Cyrodil para ajudar Bruma. Porém, as cidades estão ameaçadas por portais que se abriram perto delas, portanto não podem despachar soldados no momento. Fechando esses portais, a ajuda será concedida. Depois de terminar esta quest, Martin revela que mais um item é necessário para criar o portal, uma Great Sigil Stone, que é usada em uma Great Gate, parecida com aquela que devastou Kvatch. Martin e Jauffre criam um plano desesperado que involve deixar a cidade de Bruma ser atacada pelos Daedras para que assim um portão principal seja aberto. O herói deve, então, aventurar-se no portal e recuperar a Great Stone dentro de um determinado limite de tempo. Chegando ao campo de batalha de Bruma, Martin faz um discurso aos soldados antes de começar a batalha contra os Daedras. Muitos homens morrem, mas finalmente o portão principal é aberto. O protagonista rapidamente entra nela e a Pedra é recuperada, fechando os portais que foram abertos perto de Bruma. Então, Martin diz ao protagonista para encontrá-lo em Cloud Ruler Temple quando estiver pronto para se aventurar no "Paraíso" de Camoran. No templo, o portal é criado e o protagonista entra nele, chegando ao "Paraíso de Camoran". Depois de lutar com os homens de Camoran, o jogador finalmente confronta-o em sua sala do trono. O jogador deve derrotá-lo para recuperar o Amuleto. Depois disso, o Paraíso desaparece e o protagonista retorna a Cloud Ruler Temple. O Amuleto é devolvido a Martin, e os Blades vão até a Imperial City para re-acender os Dragonfires, e assim acabar com a invasão de Oblivion. No entanto, os Daedras começam, desesperadamente, a sitiar a cidade. Em uma batalha muito difícil e calorosa, o protagonista e Martin lutam para chegar até o Temple of the One. Quando estão quase chegando, se defrontam com um monstro de dezenas de metros de altura, que está destruindo tudo a sua volta, sendo revelado que este é o próprio Mehrunes Dagon, o Lorde dos Daedras. Martin consegue entrar no Templo, e usa o Amuleto para unir-se com o espírito de Akatosh, o Deus-Dragão do Tempo, tornando-se o seu avatar. Ele derrota Dagon em uma bela batalha. O Amuleto é destruído, Martin desapareceu junto com Akatosh, os portais para Oblivion são fechados para sempre, e o trono remanesce vazio. Um monólogo final de Martin, porém, descreve esta situação de uma forma otimista, declarando que o futuro de Tamriel está agora nas mãos do jogador, e que este é o começo da Quarta Era. Depois da batalha, o jogador é proclamado Campeão de Cyrodil.

Venda

Valor: R$ 50,00

Para visualizar os dados de contato do dono desta oferta você deve se logar primeiro!

Publicado por Rodrigo-Silva, Quarta-feira, 26 de Junho de 2019 às 08:19
Visualizações: 3266

Outros games que você possa gostar!